Um sexo nada frágil.

Não sei da onde foi que tiraram que mulheres são um sexo frágil. Talvez uma rotulação tão antiga que não deve ser usada em pleno seculo XXI. O motivo dessa minha afirmação é vitalizada com as fortes personagens femininas que temos no cinema, na TV e nos jogos.

Ellen Ripley (Alien, o oitavo passageiro), Clair Underwood (House of cards) e Lara Croft (Tomb Raider). O que todas elas tem em comum? Elas provam a todos do que são capazes para atingir seus objetivos.  Apesar da ficção estar um pouco longe da vida real, essas personagens trazem inspiração para muitas. E temos muitas outras que deixaram sua marca nesses últimos anos como Annalise Keating (How to Get Away with Murder), Olivia Pope (Scandal), Katniss Everdeen (Jogos Vorazes), Valente, Maya (A hora mais escura), Alice (Para Sempre Alice), Cheryl (Livre), Ellie (The Last of Us) e muitas outras. Cada uma com personalidades, características diferentes e especial da sua forma, como todas as mulheres são. E por atrás desses grandes personagens há grandes atrizes que merecem sim o reconhecimento pelo seu talento.

Hoje é o dia internacional da mulher, porém elas devem ser lembradas todos os dias.Todos os dias elas vem ganhando seu espaço na sociedade e mostrando sua força no trabalho. O reconhecimento é sim um direito delas, devemos respeitar e apoiar isso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s