Você precisa conhecer toda a psicopatia de Bates Motel

Recentemente foi exibido o último episódio da quarta temporada de Bates Motel, série produzida pelo canal  A&E. Durante todos essas temporadas a série conseguiu conquistar um grande público, tudo isso graças ao carisma e talento de Vera FarmigaFreddie Highmore que interpretam respectivamente Norma e Norman Bates.

Bates-Motel-04-28-15-970x545.jpg
Primeiro episódio da primeira temporada

Quando a série foi anunciada poucas pessoas acreditaram que poderia dar certo. Com uma frequência que só vem aumentando, filmes clássicos estão sendo adaptados para séries de TV. Poucas adaptações tem conseguido continuar no ar, e Bates Motel é uma dessas. Todo o enredo, ambientação e personagens foram pontos fortes para conseguir captar o público e manter a série no ar por esses quatro anos, e provavelmente vai manter por mais tempo. Falta palavras para descrever toda a relação de Norma e Norman Bates. Os dois atores se sentem muito confortáveis em seus personagens e não fazem nada forçado, toda a emoção e envolvimento dos dois acontece de forma natural. O companheirismo de ambos cativam o público, seja nos momentos difíceis ou alegres. E os alegres são os que mais emotiva os telespectadores.

bates-motel-happy-mothers-day-530x298
Esses sorrisos, abraços e olhares derretem os corações.

A série mantém elementos do filme Psicose (1960), de Alfred Hitchcock. Como a ambientação, personalidade e problemas psicológicos de Norman. Um ponto positivo é como eles adaptaram um filme de 1960 para a atualidade. Apesar do hotel e da casa serem como o filme, coisas como internet, celulares e notebooks entraram nessa atmosfera de forma natural as vezes até nos fazendo lembrar que eles estão nos dias atuais. É até um contra-ponto na relação de mãe e filho, que por vezes parecem algo tão antigo (em vista que hoje em dia isso é cada vez mais raro) e fora da realidade que muitos conhecem.

bates-motel-620x350.jpg

Se você gosta de dramas, psicopatas, personagens carismáticos e séries bem produzidas, Bates Motel é uma ótima recomendação para você assistir nesse feriadão. Atenção que agora esse texto vai falar sobre acontecimentos fundamentais da quarta temporada. Cuidado com os spoilers!

bates-motel.jpg
Morte ou renascimento? Norma continua na cabeça do Norman, e nos nossos corações.

É difícil explicar o quão brilhante foi matar Norma nessa quarta temporada, e como foi algo bem desenvolvido. O fator surpresa foi algo que deu mais emoção para os dois últimos episódios da temporada. É claro que quem assistiu ao filme sabia que isso aconteceria com a personagem, mas foi tudo feito de forma natural, comotiva e inesperada. Uma das melhores coisas da série era a Norma, além de ser algo que não tínhamos visto antes, a atriz dava vida a personagem. Por diversas vezes ela faz o telespectador se emocionar com a sua atuação. Apesar dos problemas e obsessão pelo seu filho, a série nos fez primeiro entendê-la, para depois amá-la.

O fato que mais trouxe emoção para a morte de Norma foi que Norman não queria mata-lá por ódio ou raiva. Foi até um ato de misericórdia e amor doentio. Ele não podia suportar viver sem ela, os dois se completavam demais. Na próxima temporada vamos ver o Norman como o do filme. Totalmente psicopata e doentio, vivendo com o cadáver da sua mãe em uma casa antiga na colina. E isso deixa todos os fãs ansiosos.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s